Visitantes

As Poluções Noturnas

As poluções noturnas ocorrem quando algum acontecimento no sonho (ou mundo astral) acarreta em orgasmo lá dentro e, acaba repercutindo aqui no plano físico com um orgasmo e ejaculação. Geralmente os agentes desencadeadores das poluções noturnas são os sonhos luxuriosos. O inconsciente grava tudo que nos fascina aqui no mundo físico para repetir no mundo dos sonhos. E com relação a luxúria não é diferente.

 

Dados os efeitos nefastos das poluções noturnas em nosso organismo, colocaremos aqui extratos de conferências de Samael e Rabolú sobre este embaraçoso tema, com o propósito de acharmos uma solução para o mesmo.

 

Extratos de Conferência ditadas por V.M. Samael - Didática para a dissolução do Ego

 

P.: Mestre, será boa técnica empregar a Meditação da morte do Eu, dos defeitos que temos nos sonhos?

 

V.M.: Bom, vou lhe dizer uma coisa: Muitas cartas chegam a mim, de pessoas que têm POLUÇÕES NOTURNAS. Quase todos me exigem alguma receita para curar-se dessa dolorosa enfermidade.

 

E sempre lhes respondo que enquanto continue existindo neles os Eus das poluções, haverá poluções!

 

Suponhamos que um sujeito X tem um sonho morboso; como consequência, vem uma polução noturna. Que fazer? Pois, no preciso instante de acordar, deve-se trabalhar sobre esse Eu que produziu a polução. Deve-se apelar a Devi-Kundalini Shakti para que o desintegre; e deve-se continuar durante um período de tempo trabalhando sobre esse Eu, até que, ao fim, se pulveriza.

 

Mas se outro dia surge outra polução, que quer dizer isto? Que há outro Eu luxurioso que a produz. Então deve-se repetir o mesmo. E ao fim, o dia em que não existir mais esse tipo de Eus, as poluções terão terminado. E esse é o único caminho para chegar a curar-nos.

 

 

Extratos de Conferência ditadas por V.M. Rabolú

 

“Dar-lhes-ei uma explicação muito importante sobre a parte esotérica que, cada um, tanto solteiros como casados necessitam, porque creio que todos vão chegar ao mesmo ponto. Nós como instrutores, ou missionários, temos queixas em grande quantidade, tanto os casados como os solteiros, sobre as poluções noturnas. Se nós analisarmos um poco, realmente tudo isto é provocado por nossos maus pensamentos e as consequências vêm de cima para baixo.

 

Pode ser que aqui nos controlemos, mas nos mundos superiores não se controla e repercute de cima para baixo. Ou seja, deve-se PRIMEIRAMENTE APRENDER A OLHAR E TRANSFORMAR A IMPRESSÃO. Como? É muito fácil! Viu uma jovem bonita, ponha-lhe uma dualidade; uma indiazinha bem feia, aí vai transformando. Se buscarmos a síntese desta dualidade, ambas são mulheres, não é certo? estão sujeitas ao tempo. A jovem bonita pode chegar a ser feia, até pior do que a indiazinha. Então, onde está la realidade desse problema? Não encontramos realidade alguma! Então há que APRENDER A OLHAR E TRANSFORMAR DE IMEDIATO A IMPRESÃO para não cair nesses erros das poluções. Porque um mal pensamento se grava aqui e de fato aqui é um pensamento e nos mundos internos são fatos que vêm a repercutir em uma polução.”

 

 

Abstinência Sexual

 

Quando alguém se abstêm sexualmente por dias, meses, ou anos, seus reservatórios internos (glândulas sexuais) se enchem de energia (fluidos sexuais: sêmen ou licor seminal). Assim como um vaso que se enche demais pode derramar, a mesma coisa ocorre com os reservatórios internos (Vaso de Hermes). Logo, a solução está na transmutação ou Alquimia (para os casados). Para os solteiros que ainda não têm conjugues, como uma solução temporária, existem as práticas de sublimação das energias sexuais, até que se casem.

 

 

Trancar (contrair) os esfincteres e prender a respiração

 

Há um procedimento, ensinado pelos Mestres, que impede a polução noturna quando ela já está iniciando e deve ser usada em situações de emergência, sempre que notarmos que uma ejaculação está prestes a ocorrer, seja sonhos morbosos, seja durante a prática do Arcano. Trata-se de contrair os esfincteres (os músculos que contraímos para prender a urina) e prendermos a respiração temporariamente, até que a vontade de ejacular passe, pois a energia sexual está intimamente conectada com o ar que respiramos.

 

 

Sublimação Sexual

 

As técnicas de sublimação podem ser utilizadas não só por solteiros, mas também por casados, nos momentos em que o conjugue não pode praticar a Alquimia. Tais práticas ajudam a diminuir o excedente de fluidos sexuais (sêmen e licor seminal) das genitais, evitando-se assim o transbordo por excedente. Com a sublimação, semelhantemente (e com intensidade muito menor) à transmutação, os fluidos sexuais (com seus hormônios, vitaminas e minerais) entram em estado gasoso, elevam-se por Idá e Pingalá (canais de energia) e adentram a nossa corrente sanguínea, nos enchendo de força, disposição e vitalidade.

 

Há várias maneiras de sublimação das energias sexuais: Práticas de Ritos Tibetanos, Yoga, Artes Marciais, caminhadas, desde que não acabem com as energias do centro motor. Alguns mantras (Ham Sah), meditações, respirações (Pranayama Egípcio por exemplo) também servem.

Alimentação

 

Alimentos industrializados geralmente contêm conservantes, aromatizantes, e diversos outros produtos químicos que são nocivos ao nosso organismo. Se exagerarmos no consumo de tais alimentos, nosso centro instintivo se desequilibrará, desequilibrando assim a parte sexual e isso repercutirá em poluções noturnas. A carne de porco e derivados (salsichas, bacon, mortadelas, linguiças, hambúrgueres, banha de porco) devem ser evitadas a todo custo por todos aqueles que desejem manter a castidade (preservação das energias sexuais). Isso se deve ao fato de que o porco é um animal involutivo e, nele, abundam milhares de larvas astrais e mentais, as quais são prejudiciais ao nosso trabalho. Além disso, a carne de porco atua como um vasodilatador, facilitando assim as ejaculações e poluções noturnas. Logo deve ser evitado por solteiros e casados. Não estamos falando aqui de outros tipos de carne, mas apenas da carne de porco.

 

Exagerar em quaisquer outros tipos de alimentos (gula) também pode desequilibrar os centros da máquina humana e acarretar poluções noturnas. Portanto, a temperança é primordial.

 

 

Síntese dos ensinamentos

 

Logo, podemos concluir que, dentre todas as causas das poluções noturnas, as principais são os Eus Luxuriosos. Então, ao mesmo tempo em que devemos trabalhar para desintegrar os Eus luxuriosos já existentes (que detectamos nos sonhos), devemos também trabalhar para impedir o surgimento de novos Eus, no nosso dia a dia, por meio da disciplina da Auto-observação, Não-Identificação, Morte em Marcha e Transformação das Impressões. No mundo dos sonhos, o ideal é que despertemos a consciência lá dentro (sonho lúcido) e impeçamos, por meio da Morte em Marcha, a situação que resultaria em polução noturna.

 

Devemos, portanto, trabalhar em duas frentes: Eliminar as impressões que já temos enterradas em nosso inconsciente, por meio do procedimento ensinado pelo V.M. Samael, e impedir a alimentação e surgimento de novos Eus luxuriosos (imagens, lembranças, pensamentos, olhares, falas) no dia a dia, como ensinado pelo V.M. Rabolú (Este é o mais difícil e trabalhoso procedimento já que requer um esforço ainda mais constante).

 

Todo o trabalho explicado aqui vale tanto para os homens como para as mulheres que desejem erradicar este mal.

 

Paz Inverencial!

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now